O Regresso Do Grupo G-Pro Seria Uma Surpresa De Ouro Para Amantes De Rap

 

Escrito por: Elves Abel Mucachua

 

O movimento hip hop ou simplesmente rap, é um dos estilos mais consumido mundialmente e cá na pérola do Índico, o cenário é o mesmo. Até houve tempo em que os fazedores do rap estavam a comandar o mercado Moçambicano.

 

  Conforme afirmamos que hip hop é um dos mais escutados no mercado, em Moçambique este género teve o seu momento mais alto, mas devido a separação de alguns grupos de Rap, o movimento entregou em depressão profunda, e com poucos rappers no activo, o género continua a perder peso em relação a outros géneros.

 

  Tendo em consideração que, o grupo G-Pro foi um dos melhores em Moçambique e em alguns países da língua portuguesa os G-Pro's são totalmente conhecidos, mas após a separação destes e entre outros grupos o rap já não tem aquela popularidade que tinha em 2010 até cá, e não só, há muita desunião neste movimento e alguns vivem ridicularizar outros.

 

Portanto, a união e o regresso deste grupo e outros seriam sem sombra de dúvida, uma surpresa de ouro para os amantes do hip hop, pois é o que está faltar na cultura Moçambicana. Os que estão a fazer o rap actualmente não dão aquela mensagem que o povo está habituado a receber nos tímpanos.

 

 

G-Pro, Magnezia, Trio Fam, Dj Dabo, Track Recordz, & LCD são um dos principais grupos que estão totalmente separados.


Publicar um comentário

0 Comentários